premio   A coordenadora de Campanhas Educativas do Detran de Santa Catarina, Rosângela Bittencourt (à esquerda, na foto), recebeu nesta quinta-feira, 17 de dezembro, o prêmio pela terceira colocação na categoria 'Educação no Trânsito - Projetos e Programas' do IX Prêmio Denatran de Educação no Trânsito. Ao lado de Rosângela na foto, a estudante Cristiele Noronha foi a segunda catarinense (de Barra Velha) a subir ao pódio na nona edição do Prêmio: ela foi a primeira  colocada no quesito POESIA, para alunos da 5ª à 8ª séries do Ensino Fundamental.
   A solenidade de entrega da premiação aconteceu no hotel Royal Tulip Alvorada, à margem do lago Paranoá, em Brasília, e contou com a presença do ministro das Cidades, Márcio Fortes, do diretor do Denatran, Alfredo Peres da Silva, e dos deputados Emília Fernandes, Beto Albuquerque e Hugo Leal, além do secretário executivo do Ministério das Cidades, Rodrigo Figueiredo.
   O trabalho premiado do Detran é o programa “Capacitação de Professor Multiplicador em Educação para o Trânsito-Se Essa Rua Fosse Minha”, desenvolvido desde 2006. Mais de 350 mil alunos já foram alcançados pelo programa, cujo objetivo, segundo a coordenadora de Campanhas Ediucativas do Detran/SC, é capacitar professores “para atuarem como multiplicadores em suas unidades escolares, visando a desenvolver ações no âmbito de suas comunidades, buscando a diminuição de acidentes e, principalmente, proporcionando à população um plano de atividades na área de educação para o trânsito”. O empresário Faruk El-Kathib, idealizador do material didático utilizado no programa "Se Essa Rua Fosse Minha", subiu ao palco com Rosângela para dividir com ela a alegria pela premiação.
   “Que os vencedores do Prêmio sejam multiplicadores das boas iniciativas, para que no futuro se tornem cidadãos conscientes. É preciso compreender que todos somos partes do trânsito, com direitos e deveres, por isso, é preciso haja uma relação de respeito entre motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres”, disse o ministro Márcio Fortes.
   Nesta edição, foram premiados 29 trabalhos, produzidos por representantes de Alagoas, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, São Paulo, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A Prefeitura Municipal de Guará, em São Paulo, foi homenageada por ter enviado o maior número de trabalhos.